Home » Nacionais » Yamaha

Yamaha Factor 2 Geração 2014

Independente de qual o seu desejo por motos é bom conhecer a segunda geração da Factor uma das motos mais legais da Yamaha.

YBR branca

A Yamaha estava tendo sérios problemas de relacionamento com os seus clientes, um dos pontos mais importantes nisso é que eles não estavam encontrando o que queriam nas concessionárias da marca. Até mesmo os proprietários das lojas estavam ansiosos pedindo para que produtos novos pudessem chegar e assim aumentar a frota de motocicletas vendidas, depois de tantas reclamações a marca resolveu voltar a pensar nas brasileiras e por isso deu uma repaginada na Factor tornando-a uma moto com duas gerações. Vamos falar um pouco mais dela e o que vai oferecer de novo para quem desejar comprá-la, certamente ela vai surpreender bastante os consumidores perante ao que era antes.

Yamaha Factor 2 Geração

Um dos pontos mais importantes dessa motocicleta é sem dúvidas o interesse que os consumidores sempre tiveram nela, depois que surgiu ela parecia uma moto bem maior do que uma de 125 cilindradas e isso levantou o seu nome. Depois de alguns anos no mercado ficou desgastada e ninguém quer saber de uma moto que não tenha novidades, por isso notamos que ela recebeu mudanças logo de cara no sistema de cores que terá ao menos quatro novidades o branco, azul, vermelho e preto que eram diferentes anteriormente. O conforto é outro dos pontos que recebeu mudanças a partir de agora o piloto, mesmo que nas velocidades mais altas, não irá sentir nenhum tipo de vibração nessa motocicleta enquanto estiver andando sobre ela e isso é um avanço bem interessante da Yamaha.

Cores da YBR

Design

Da para notar que alguns pontos foram remodelados nessa moto a começar pelo seu escapamento, o protetor que tinha antes foi deixado de lado e agora ele tem um desenho com bordas retas. As rodas continuarão pretas assim como o escapamento, contudo somente os modelos ED virão com a roda de liga leve. O branco será a maior novidade da moto porque trará uma cor que não somos acostumados a ver nas motos, já a vermelha terá apenas o tanque nessa cor, as carenagens restantes serão todas pretas deixado a moto diferente das demais. O motor continuará o mesmo, mas a marca jura que ela poderá fazer mais quilômetros com um litro do que anteriormente, também acreditam que terá poucos problemas de manutenção no decorrer do tempo.

Painel

A marca ainda vai ficar devendo um pouco para quem esperava que ela fosse contar com o sistema flex que permite dois combustíveis, mas ainda assim com a promessa de menor consumo já poderá ser o suficiente. Seu tanque tem capacidade para 13 litros de combustível sendo que 2,4 deles é apenas para ser usado na reserva, mostrando que todos os pontos foram pensados para os consumidores.

Tags: , , ,
Publicado por Andre
Revisado em 24/04/2013

Compartilhar